Apesar do impedimento de atuar presencialmente num teatro, o ESPONTÂNEO não quis deixar de partilhar algumas experiências de improvisação em direto e em interação direta com o público. Os formatos propostos foram pensados e criados para o contexto digital e serão seguramente uma forma diferente e original de assistir improvisação.

Reproduzir vídeo

Nunca te Acostarás

ImproMadrid (Espanha)

Já disponível

Direção e Adaptação 
Ignácio Lopez

Elenco
Ignacio Lopez, Nacho Soriano, Borja Cortéz, Paloma Cordoba, Ana Morgade.

Site 
www.impromadrid.com

Supõe-se que os improvisadores têm de saber tudo sobre tudo, por esse motivo os ImproMadrid criaram um concurso com o qual pretendem, pelo menos, não irem para a cama sem ficar a saber mais uma coisa.

Quatro improvisadores irão enfrentar seis perguntas de cultura geral (geografia, entretenimento, história, arte e literatura, ciência e natureza, desporto e tempos livres) com o único objetivo de cultivar os seus cérebros.

É como o Trivial Pursuit?
 Sim, mas ao estilo inconfundível dos ImproMadrid, porque antes de começar o concurso, os ”concorrentes” deverão superar um desafio improvisado, proposto pelo apresentador.

Se o superarem (quer eles, quer todos aqueles que estão do lado de lá do ecrã), poderão participar respondendo às mais variadas perguntas desta competição completamente improvisada.

Viva a curiosidade e o saber!

Reproduzir vídeo

Zoom Vouyeurista

Complot Escena
 (México)

Já disponível

Direção 
José Luís Saldaña

Site 
www.complotescena.com.mx

Este espetáculo de improvisação apresenta-nos a um popular hacker (H4cK-L0v3R) que irá reunir vários espetadores com a finalidade de fazer participar numa experiência tecnológico-social. Esta experiência consiste em intervir em diferentes dispositivos e câmaras, mais concretamente através de vídeo chamadas, com o objetivo de demostrar aos assistentes de la sala de Zoom (a humanidade), que a internet já não é livre nem democrática e muito menos segura e que os maiores beneficiários do nosso vício à tecnologia, são um cada vez mais reduzido número de empresas que controlam a rede e tudo aquilo que rodeia a sua infraestrutura. Em poucas palavras, com o poder ilimitado que conferimos à rede, não somos nós que a controlamos, mas sim a rede que nos controla.

Com a ajuda do público, serão criadas duas histórias imprevisíveis, carregadas de humor e com finais muito diferentes.

Em paralelo a tudo isto o espectador poderá ainda apreciar anúncios publicitários improvisados, sempre sob escrutínio do inimigo oculto nos escuta, nos espia e nos vê.

E tu? Já tapaste a câmara do teu dispositivo?

Reproduzir vídeo

Vozes da Meia Noite

Instantâneos

(Baseado no formato “Voces en la noche” de José Sanchis Sinisterra)

Já disponível

Direção e Adaptação 
Gigio Giraldo 

Elenco
Marco Martin, Marco Graça, Nuno Fradique, Ricardo Soares , Rute Lizardo.

Site 
www.instantaneos.pt

A ação ocorre no estúdio de uma emissora de rádio, mais concretamente durante o programa noturno.

O “Vozes da Meia Noite”, é emitido em direto e está sempre em linha aberta com todos os seus ouvintes, aceitando os mais variados pedidos musicais.

Ao longo da edição, o locutor irá ser surpreendido por telefonemas inesperados, intervenções alarmantes e participações angustiantes, todas elas provenientes de uma série de estranhos personagens, que através das suas vozes irão criar uma cenografia sonora, levando o público a sentir-se numa verdadeira montanha russa emocional.

Tudo isto acontece ao som dos inusitados pedidos musicais dos ouvintes, enquanto o passado sombrio do próprio locutor começa a ser aos poucos desvendado.

Telemóvel: +351 938 598 247
Info/Inscrições: [email protected]
Assessoria de Imprensa: [email protected]

© Festival Internacional de Teatro de Improviso. Powered by Slab Studio